Benefício e Tecnologia dos Aparelhos auditivos

by Maximus Centro Auditivo
0 comentário

Como funcionam os aparelhos auditivos?
Os tamanhos e especificações dos tipos de aparelhos auditivos são diferentes e seus princípios de funcionamento são basicamente os mesmos. No entanto, antes de entender como esses instrumentos amplificados por ondas sonoras funcionam, é preciso entender como eles funcionam no sistema auditivo humano.
O sistema auditivo é dividido em três partes: ouvido externo, ouvido médio e ouvido interno. A causa da perda auditiva encontra-se em uma dessas áreas. Por meio do exame auditivo (audiometria), o diagnóstico audiológico é definido, e o fonoaudiólogo
determina o modelo do aparelho mais
adequado para cada paciente.

Tecnologia de aparelhos auditivos
Cada aparelho auditivo inclui um microfone, amplificador e receptor.
A coleção desses três componentes tem a função de melhorar a amplificação do som e fornecer som para pacientes que não os escutava
O microfone capta o som do ambiente externo, que é processado e enviado ao amplificador e tem como função aumentar a intensidade do sinal. Através do receptor, a onda é conduzida até o ouvido.
No ouvido interno, o som é convertido em impulsos elétricos e enviado ao cérebro. Com o desenvolvimento dos aparelhos auditivos, muitos acessórios foram desenvolvidos especialmente para evitar problemas como o ruído ambiental. Além disso, agora é possível comprar uma série de acessórios para aparelhos auditivos para melhorar o conforto e a conectividade com a tecnologia do dia a dia.

Os aparelhos auditivos têm evoluído tornando-se mais sofisticados com o avanço da tecnologia, oferecendo cada vez mais conforto e interatividade para quem os utiliza. Com a perda de audição no envelhecimento, essa tecnologia ganha ainda mais utilidades.

O microfone capta o som do ambiente externo, que é processado e enviado ao amplificador, cuja função é aumentar a potência dos sinais. Por meio do receptor, as ondas são direcionadas ao ouvido. No ouvido interno, os sons se transformam em impulsos elétricos e são enviados para o cérebro.

Por que considerar o uso do aparelho auditivo?
Além de saber como funcionam os aparelhos auditivos, vale a pena entender melhor quais são os benefícios dessa tecnologia no dia a dia do paciente.

Um dos problemas mais preocupantes da progressiva perda de audição, principalmente na terceira idade, é o isolamento. Diante da necessidade frequente de pedir para as pessoas repetirem o que disseram, muitos preferem ficar em casa. O mais difícil é que, a partir desse problema, podem surgir outros mais graves, como a depressão e a ansiedade.

Tudo isso resulta em uma perda considerável de qualidade de vida, perde-se o bem-estar de viver entre amigos e familiares. O uso do aparelho auditivo, nesse contexto, representa muito mais que resgatar a capacidade de escutar. Trata-se, no final das contas, de uma solução que proporciona mais confiança e oportunidades de se divertir em grupo.
A retomada da percepção sonora é a chave para a independência na vida de quem sofre com a perda de audição, e o uso do aparelho auditivo tem proporcionado esse estado a muitas pessoas.

Ouvir é usufruir de mais um sentido para interagir com o mundo à sua volta. Isso é favorável não só em momentos de diversão, mas também em momentos que exigem atenção para garantir segurança no dia a dia, como por exemplo, perceber um carro buzinando, ou o toque de uma ambulância, etc.

Talvez você se interesse por...

Escreva um comentário

× Como posso te ajudar?